DECEMBER 9, 2022

Mostra fotográfica marca campanha contra abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes em Montes Claros

O Cras Maracanã tomou a iniciativa de realizar esta mostra a partir do dia 6 de maio

Foto: Divulgação/Museu Regional

Terá inicio no dia 6 de Maio ás 19 horas no Museu Regional, a I Mostra Fotográfica “365 Dias de Proteção: Um Olhar Sobre os Direitos Infantojuvenis e suas Violações”. Organizada pelo CRAS Maracanã ,as fotografias pretendem oferecer um olhar profundo e reflexivo sobre uma questão fundamental: os direitos e as violações enfrentadas por crianças e adolescentes vítimas de abuso e exploração sexual. A psicóloga Cláudia Rocha, coordenadora do CRAS salienta que a proposta é chamar atenção de que a exploração e os abusos acontecem diariamente e pensar em proteção somente em uma data específica só aumentam as estatísticas.

O 18 de Maio é o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, este dia foi instituído pela Lei Federal 9.970/00, é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no território brasileiro e que já alcançou muitos municípios do nosso país. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. Esse era o nome de uma menina de apenas oito anos de idade, que teve todos os seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade. O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune.

O Cras Maracanã tomou a iniciativa de realizar esta mostra a partir do dia 6 de maio, como forma de alertar a população a ficar sempre alerta sobre os sinais de que crianças ou adolescentes estejam sendo vitimas de abusos sexuais, as fotografias foram feitas seguindo os dados do Ministério da Saúde, que indicam os pontos onde foram registrados abusos de crianças e adolescentes.

Ela lembra que “com curadoria cuidadosa e sensível, a mostra reúne uma seleção de fotografias que capturam não apenas a dor e a vulnerabilidade dessas vítimas, mas também sua resiliência, força e esperança em meio a circunstâncias difíceis. Cada imagem conta uma história poderosa e transmite uma mensagem de conscientização e solidariedade”.

Reforça ainda que a mostra “365 Dias de Proteção” é mais do que uma exposição de fotografias; é uma plataforma para promover a conscientização, provocar diálogos e inspirar ações concretas para proteger os direitos e garantir o bem-estar de crianças e adolescentes no Brasil. A mostra é uma colaboração entre o Cras Maracanã , da fotogrfa Bárbara SantosFreitas , do conselheiro tutelar Luciano de Sá Santos, Faculdades Unifipmoc e Ana Paula Ferreira que uniram forças para lançar luz sobre essa questão crucial e mobilizar a comunidade em prol de mudanças positivas.

Ao longo da exposição, os visitantes terão a oportunidade não apenas de contemplar as imagens, mas também voltar cronologicamente em 1973, data em que o país foi cenário de um dos crimes mais bárbaros dos ultimos 51 anos e que se tornou o marco da data 18 de Maio: o assassinato da menina Aracali de 8 anos. Para as crianças,preparamos um espaço lúdico e algumas peças interativas. Será impossível ficar de fora desta” travessia laranja,por um caminho sem violência.” Toda a expoição está oferecendo uma visão abrangente e educativa sobre o tema.

A I Mostra Fotográfica “365 Dias de Proteção” é um convite para todos os cidadãos se engajarem ativamente na proteção dos direitos das crianças e adolescentes, garantindo que cada dia seja verdadeiramente um dia de proteção, respeito e dignidade para nossas meninas e meninos.

Contato para visitação:(38) 99865-3938 OU 2211 3477

Compartilhe:

Notícias Relacionadas

Entretenimento Montes Claros

Front Stage Montes Claros Shopping

Atendimento SAMU Montes Claros

SAMU socorre adolescente após ser baleado em Montes Claros