DECEMBER 9, 2022

Segunda etapa da vacinação contra a gripe começa nesta terça (11)

Nova fase vai vacinar idosos acima de 60 anos e professores da rede pública e privada

SAVE_20210510_160211

Vacinação contra a gripe/ Foto: Divulgação

Começa nesta terça-feira (11) a segunda etapa da 23ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe Influenza. A nova fase prossegue até o dia 8 de junho e terá como público alvo idosos com idade a partir de 60 anos e professores das redes pública e privada de ensino.

Na primeira etapa da Campanha, iniciada dia 12 de abril, foram vacinadas crianças com idade entre 6 meses a menores de cinco anos; gestantes; puérperas; trabalhadores da saúde e indígenas. Em Minas Gerais, a estimativa do Ministério da Saúde é de que a vacinação contra a gripe deverá alcançar mais de 8 milhões 433 mil pessoas.

Para a implementação da Campanha a Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros já repassou aos 54 municípios que integram a sua área de atuação 141.850 mil doses de vacinas produzidas pelo Instituto Butantan, em São Paulo. O repasse dos imunizantes aos municípios segue cronograma de disponibilização definido pelo Ministério da Saúde. Em Montes Claros, são cerca de 50 mil idosos e 5 mil professores, a expectativa é vacinar 90% dos dois públicos.

As vacinas serão ofertadas nas 29 salas de vacinação do município, além de um drive-thru montado nas Faculdades Santo Agostinho (de segunda a sexta-feira, das 8 às 16 horas) e um walk-thru na Praça Doutor Carlos (de segunda a sexta, das 8 às 15 horas).

A Superintendência Regional de Saúde de Montes Claros, chama a atenção para a importância da vacinação dos grupos prioritários contra a gripe, levando em conta que a imunização vai prevenir o surgimento de complicações decorrentes da doença, óbitos, internações e a sobrecarga nos serviços de saúde. Além disso, a vacinação reduz os sintomas que podem ser confundidos com os da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

A Campanha contra a gripe está coincidindo com a realização da vacinação contra a Covid-19. Por isso, considerando a ausência de estudos sobre a co-administração das vacinas, o Ministério da Saúde não recomenda a aplicação das duas doses simultaneamente. Neste momento, a orientação repassada às secretarias municipais de saúde é a de que as pessoas que fazem parte do grupo prioritário para a vacinação contra gripe e que ainda não foram vacinadas contra a Covid-19, deverão priorizar a dose contra o novo coronavírus. Na oportunidade as pessoas deverão agendar a vacinação contra a gripe, respeitando um intervalo mínimo de 14 dias.

Etapas

A terceira e última etapa da Campanha de Vacinação contra a Gripe está prevista para o período de 9 de junho a 9 de julho envolvendo pessoas portadoras de comorbidades; deficientes físicos permanentes; caminhoneiros; trabalhadores do transporte coletivo; trabalhadores do sistema portuário; forças de segurança e salvamento; militares das forças armadas; funcionários do sistema de privação de liberdade; a população privada de liberdade; adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas.

A meta é que os municípios alcancem 90% das pessoas que compõem os grupos prioritários de vacinação contra a gripe. Para isso, neste ano cada município tem autonomia para definir o “Dia D” de mobilização do público alvo para imunização, levando em conta a realidade de cada localidade.

Compartilhe:

Notícias Relacionadas

Coluna de Thedomiro Paulino

Coluna de Theodomiro Paulino

Coluna de Thedomiro Paulino

Coluna de Theodomiro Paulino

Coluna de Thedomiro Paulino

Coluna de Theodomiro Paulino